Café Solúvel ou Café Coado?

Qual traz mais benefícios?

Não é novidade que o café é um alimento funcional, ele melhora a atenção, a concentração e o aprendizado sendo excelente para estudantes de todas as idades, recomendado ser consumido pela manhã e na merenda escolar.

O tradicional “cafézinho” não é apenas uma fonte de cafeína, que aliás, essa substância corresponde de 1 a 2,5% de sua composição que conta também com muitas outras substâncias, porém, segundo matéria do blog Saúde da Abril, escrita por Silvia Lisboa e republicada no site da ABIC (Associação Brasileira da Indústria de Café), o café solúvel, também chamado de café instantâneo, conta em média com 20% a mais de cafeína em comparação ao café coado além do antioxidante ácido clorogênico, associado ao melhor controle da glicemia e da pressão, também presente em maior quantidade no café solúvel.

Na opinião da nutricionista Mônica Pinto, da ABIC, o café coado tem a vantagem de se poder controlar o preparo, que precisa ser correto, e garantir mais sabor se escolhido grãos de melhor qualidade. ” Nos grãos de torra clara ou média, são preservadas mais vitaminas e proteínas”. Segundo a ABIC, a forma correta de se preparar o café coado é utilizar água aquecida a 90ºC, colocar o pó de café em um filtro (a qualidade do filtro também influencia na qualidade do café e passagem de nutrientes sendo recomendado o filtro de pano), molhar o pó das bordas para o centro e depois despejar o restante da água no centro do filtro em fio, sem mexer no pó durante o processo.

E na opinião da nutricionista Vera Lucia Visachi, da Visachi Alimentos, para que se possa aproveitar as vantagens no consumo do café coado ele precisa ter qualidade garantida e não pode ser de torra escura. “Os cafés extra-fortes, de torra escura, ficam muito tempo sob o calor no processo de torrefação, acabando por quebrar e eliminar uma grande quantidade de nutrientes.” Sendo, neste caso, o café solúvel mais recomendado pois seu preparo é mais simples, basta adicionar água quente sem necessidade de um filtro.

Comparação de valores do café coado e do solúvel para uma xícara pequena (50 ml):

  1. Energia
    Coado – 3 cal
    Solúvel – 3 cal
  2. Cálcio
    Coado – 1,5 mg
    Solúvel – 1,1 mg
  3. Niacina
    Coado – 0,025 mg
    Solúvel – 0,025 mg
  4. Ácido clorogênico
    Coado – 500 mg
    Solúvel – 550 mg
  5. Potássio
    Coado – 39 mg
    Solúvel – 39 mg
  6. Cafeína
    Coado – 100 mg
    Solúvel – 120 mg

PLACAR SAÚDE

Café instantâneo 5 x Café coado 4

O café também ajuda na prevenção de várias doenças e problemas, mas isso não significa que ele seja um remédio, ele não cura doenças. Segundo a ABIC (Associação Brasileira da Indústria de Café), pesquisas médicas mostram que o café ajuda na PREVENÇÃO da depressão, suicídio e alcoolismo, mas pacientes já com problemas precisam de tratamento médico adequado e terapia cognitivo-comportamental. Segundo estudos o café pode atuar na prevenção de câncer de cólon e reto, câncer de fígado, diabetes, cálculos biliares, obesidade infantil e até mesmo Parkinson e Alzheimer.

Mas o contrário também é fato, o café pode agravar algumas doenças como gastrite, refluxo gastroesofágico, úlcera péptica, transtorno de ansiedade generalizada, transtorno do pânico, palpitações devido arritmias cardíacas, hipertensão arterial ou doença isquêmica do coração principalmente se consumido em excesso. De todas as formas, o consumo do café precisa ser moderado, 4 xícaras por dia é a recomendação da ABIC.

Fontes:
ABIC – Associação Brasileira das Indústrias de Café
https://www.abic.com.br/faq/o-cafe-pode-trazer-algum-beneficio-a-saude-quais/
SAÚDE Abril
https://saude.abril.com.br/bem-estar/cafe-coado-ou-instantaneo-qual-traz-mais-beneficios-a-saude/

Imagem: pexels

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *